@pastor.rogeriogodoy   projeto2012mj7@hotmail.com     (11) 92002-9082     @PrRogerioGodoy                       

ERGA-TE

ERGA-TE

Quando tiveres fome, comas de meu pão.

Quando tiveres sede, bebas de minha água.

Quando tiveres frio, agasalha-te em meu corpo.

Quando tiveres medo, esconda-te por trás de mim.

Quando te sentires só. Chama-me e eu não tardo a chegar.

Quando estiveres perdida(o), tua bússola serei,

para ao caminho certo te guiar.

Quando estiveres com problemas,

busca-me e te direis como o resolver.

Quando por um motivo qualquer,

as lágrimas encharcarem a seus olhos, com suavidade,

a cada uma delas, com as pontas de meus dedos enxugarei.

Quando a tristeza te invadir o coração,

use e abuse de minha alegria.

Quando o estresse te fazer querer gritar, use os meus ouvidos;

mas com cuidado para a meus tímpanos não estourar, 

pois para mim um castigo seria, a sua voz não mais poder escutar.

Nesta luta, tu nunca só estará.

Quando a verdade a seu lado estiver, e isso justo for,

contra tudo e contra todos, estarei sempre pronto para te ajudar;

nem que seja para do chão te levantar,

em meu colo te pegar, para o caminhar continuar.

Mas, se certa não tiveres, nem justo fores,

assim mesmo comigo conte;

nem que seja para de teu erro te convencer,

e a seu lado estar em seu humilhar, sua cabeça levantar,

e dos ataques dos cruéis de proteger.

Sozinha, tu nunca estarás;

desde que, a seu lado quiseres que eu venha, sempre estar.

 

Obs. Este poema faz parte do livro OUTUBRO 31 – Encontros e Desencontros do Amor, de Rogério Godoy, que foi publicado na cidade de São Paulo no primeiro verão de 2009.

 

COMENTÁRIO do Autor:

Creio que todos nós, que temos ao amor como excelência, se não gostamos do poema que lemos, admiramos  em muito a atitude do “sujeito” que promete viver e se entregar por completo a pessoa amada, certo!? Uma das coisas mais fácil de fazer, são promessas; mas nada pode nos garantir seu cumprimento!

Pois bem, também tenho que por certo que cada um de nós busca uma pessoa como essa que nos ame com esse amor. E grande é a frustração de muitos de nós, que não encontramos a esse amor em nossa caminhada pelas estradas da vida. Mas, por quê não encontramos um alguém que nos ame como a pessoa do poema ama a pessoa com quem fala? A pergunta, embora pareça sem resposta, é fácil de responder: Buscamos as características desse “sujeito” perfeito, em pessoas erradas. Somente uma pessoa pode nos amar dessa maneira e cumprir, independente de qualquer que seja a circunstância, tudo que prometido foi; nessa pessoa não pode haver orgulho ou mentira. Então, se assim o é, a pessoa que procuramos é JESUS!

Alguns podem até mesmo dizer que já conheceu uma pessoa assim; pois eu lhe garanto que o amor perfeito só encontramos em JESUS. E se você realmente conhece uma pessoa assim, busque JESUS nela, e com certeza você encontrará. Pois só o Filho do Deus Vivo, consegue se entregar dessa forma, sem mais nada em troca pedir; mas apenas desejar. JESUS deseja ser amado por VOCÊ!!!

 

 

A solidão, nos traz um mal maior, quando esta se faz,

por uma ausência de Jesus em nós!”

                                                               (Pastor Rogério Godoy)